Grupos de Pesquisa

Após mais de três décadas de implementação, a Reforma Psiquiátrica Brasileira formulou um conjunto de transformações cujas características de intersetorialidade e diversidade temática favorecem a produção de novos objetos de investigação referidos à sua dimensão conceitual, aos processos formativos e às políticas públicas. Um processo complexo que produz novos problemas e demanda um esforço permanente de produção de conhecimentos para sua continuidade e sustentabilidade.A desinstitucionalização dos saberes e das práticas historicamente construídas e a investigação em torno de novos paradigmas para o cuidado no SUS aos grupos em situação de desvantagem social e vulnerabilidade são os eixos que orientam nossos estudos organizados em três áreas temáticas: Atenção Psicossocial, Atenção ao Uso Prejudicial de Álcool e Outras Drogas e Políticas para o Cuidado do Idoso. A formação do grupo de pesquisa “Desinstitucionalização, Políticas Públicas e Cuidado” tem como perspectiva agregar pesquisas em andamento e dar visibilidade às produções que se inserem dentro do campo da Saúde Mental no contexto maior da Educação Profissional em Saúde na EPSJV. O nosso objetivo é o desenvolvimento de atividades de pesquisa integradas ao campo do ensino e voltadas para o fortalecimento da política pública de saúde, defesa de direitos e cuidado integral em saúde mental e campos correlacionados. O grupo se insere dentro do espaço da EPSJV, sendo formado por profissionais desta escola, estudantes e outros profissionais da Fiocruz, da rede SUS e de outras instituições de ensino e pesquisa, com as quais construímos parcerias ao longo do tempo.  Pretendemos trabalhar na direção de qualificar cada vez mais nossas atividades e integrar redes transdisciplinares de ensino, pesquisa e cooperação técnica no campo da saúde mental.

Equipe:
  • Ariadna Patrícia Estevez Alvarez
  • Augusto César Rosito Ferreira
  • Clarice Moreira Portugal
  • Daniel Groisman
  • Desiane Alves Martins
  • Elaine Teixeira Rabello
  • Gracia Maria de MIranda Gondim
  • Marco Aurelio Soares Jorge
  • Maria Cecilia de Araujo Carvalho
  • Marise de Leão Ramôa
  • Nina Isabel Soalheiro
  • Paula Santos Ferreira
  • Pilar Rodriguez Belmonte
  • Renata Ruiz Calicchio
  • Renata Veloso Vasconcelos de Andrade
  • Sergio Alarcon
  • Vanessa Diniz da Silva
Acessar link do CNPq

O Grupo de Pesquisa “Estado, políticas e espaço público” reúne pesquisadores e estudantes de diferentes formações e áreas de conhecimento, interessados em compreender as dinâmicas sociais que determinam a definição do “espaço público” na contemporaneidade, incidindo na definição e redefinição da atuação do Estado, face à elaboração de políticas públicas, principalmente, de políticas sociais na América Latina e no Brasil. Partindo de um referencial teórico-metodológico ancorado na teoria crítica, particularmente no materialismo histórico-dialético, o grupo entende como temáticas centrais de estudo e reflexão: a reconceitualização do público no capitalismo contemporâneo; a composição e utilização do fundo público e suas implicações na dinâmica social; os processos de privatização aberta e encoberta que incidem nas políticas sociais, particularmente de educação e de saúde; as diversas formas de mercantilização da vida, face as dinâmicas sociais contemporâneas de expropriação; o processo de apassivamento da democracia, etc.
Compreendendo as políticas públicas como resultado de uma dinâmica social pautada pelas relações de força, o grupo se propõe a compreender a centralidade da atuação do Estado no capitalismo contemporâneo, tomando como referência histórica não só os processos nacionais (de elaboração e implementação de políticas) mas também sua interface com o âmbito internacional (através da atuação, por exemplo, dos organismos internacionais) e o local (nas formas específicas que traduz, em cada território concreto, as determinações mais gerais face as suas condições particulares)

Equipe:
  • Amanda de Lucas Xavier Martins
  • Ana Cristina Lourenço Vargas
  • Anakeila de Barros Stauffer
  • Anamaria D'Andrea Corbo
  • André Vianna Dantas
  • Carla Cabral Gomes Carneiro
  • Catia Correa Guimaraes
  • Cláudia Regina de Andrade Pereira
  • Cláudio Gomes Ribeiro
  • Geandro Ferreira Pinheiro
  • Helifrancis Condé Groppo Ruela
  • Marcela Alejandra Pronko
  • Maria Teresa Cavalcanti de Oliveira
  • Priscila Talita Oliveira Silva
  • Roberto Eduardo Albino Brandão
  • Zilma Catarina Libania da Fonseca
Acessar link do CNPq

Reunindo profissionais de diferentes formações disciplinares, a proposta do grupo de pesquisa é debruçar-se sobre os seguintes temas: a literatura nacional e internacional abarcando programas de iniciação científica e modelos de orientação e mentoria desenvolvidos nas instituições de pesquisa e nas instituições de ensino básico, profissionalizante e superior; estudos das trajetórias, carreiras e mobilidades de estudantes e profissionais atuando no campo da saúde e da biomedicina; concepções, modelos formativos e práticas de conduta responsável na pesquisa científica em saúde e em biomedicina; culturas científicas presentes em textos didáticos, literários e de ficção científica de autores nacionais e internacionais.

Equipe:
  • Adriana Maria de Assumpção
  • Ana Lucia de Almeida Soutto Mayor
  • Ana Tereza Pinto Filipecki
  • Bianca Antunes Cortes
  • Cristiane Nogueira Braga
  • Cristina Maria Barros de Medeiros
  • Denise Figueira de Oliveira
  • Isabela Cabral Félix de Sousa
  • Lucia Rodriguez de La Rocque
  • Marcio Rolo
  • Márcia de Oliveira Teixeira
  • Norma Vollmer Labarthe
  • Rosa Maria Correa das Neves
  • Silvio Valle Moreira
  • Telma de Mello Frutuoso
Acessar link do CNPq

Este grupo de pesquisa dedica-se a análise e a discussão das Informações e Registros em Saúde, procura desenvolver projetos de pesquisa e processos formativos que favoreçam práticas profissionais que valorizem a informação em saúde enquanto campo de disputa de interesses e de construção de saberes e práticas. Neste sentido, pretende contribuir com a consolidação de uma Política Nacional de Informação e Informática em Saúde para o Sistema Único de Saúde (SUS) e também fornecer subsídios para o fortalecimento da área de Informações e Registros em Saúde no SUS.

Equipe:
  • Ana Cristina Gonçalves Vaz dos Reis
  • Bianca Borges da Silva Leandro
  • Fernanda do Nascimento Martins
  • Flavio Astolpho Vieira Souto Rezende
  • Jose Mauro da Conceicao Pinto
  • Marcia Fernandes Soares
  • Martha Peçanha Sharapin
  • Sergio Munck Machado
Acessar link do CNPq

O Núcleo de Estudos em Democratização e Sociabilidades na Saúde (NEDSS) tem como objetivo aprofundar e sistematizar conhecimentos sobre as relações sociais e institucionais estabelecidas no contexto de ampliação da participação da sociedade brasileira na formulação, condução e avaliação das políticas públicas de saúde. São definidos como eixos estruturantes de investigação os temas do Direito, da Participação Política e das Redes de Apoio Social, compreendidos como estratégicos para a análise de experiências e processos de democratização do Estado brasileiro. Nesse sentido, o NEDSS visa desenvolver investigações que explorem a temática referida a partir de questões relativas à construção de novas sociabilidades e à permanência de modos de sociabilidade conservadores, tendo em vista a modernização excludente e os processos de colonização que têm caracterizado historicamente a sociedade brasileira. Entendemos que a sistematização de conhecimentos sobre as relações entre democratização e sociabilidades no contexto das políticas de saúde pode contribuir para a formação de trabalhadores qualificados e comprometidos com a garantia do direito à saúde, fortalecendo assim o campo da Saúde Coletiva e da Formação Profissional em Saúde.

Equipe:
  • Adelyne Maria Mendes Pereira
  • Alda Maria Lacerda da Costa
  • Angela Oliveira Casanova
  • Camila Furlanetti Borges
  • Danielle Ribeiro de Moraes
  • Felipe Rangel de Souza Machado
  • Francini Lube Guizardi
  • Geny de Oliveira Cobra
  • Grasiele Nespoli
  • Ialê Falleiros Braga
  • Jose Roberto Franco Reis
  • José Victor Regadas Luiz
  • João Roberto Maia da Cruz
  • Maria Luiza Silva Cunha
  • Marise de Leão Ramôa
  • Mirna Barros Teixeira
  • Muza Clara Chaves Velasques
  • Paulo Cesar Peiter
  • Paulo Henrique Novaes Martins de Albuquerque
  • Pilar Rodriguez Belmonte
  • Tereza Cristina Ramos Paiva
Acessar link do CNPq

Como repercussões o grupo espera: obter resultados científicos com os estudos sistemáticos realizados pelos membros do grupo; Possibilitar desenvolvimento de aplicações para uso no contexto organizacional e cultural; propiciar intercâmbio de conhecimentos da equipe de pesquisa com outras instituições e grupos interessados localizadas no Brasil e no exterior, em rede de pesquisa; compartilhar com a sociedade do conhecimento gerado pelo grupo, através de uma página web de livre acesso, com a disponibilização de referências e trabalhos desenvolvidos; realizar consultorias ad hoc a organizações sobre os temas de trabalho do grupo, como forma de cooperação nacional e internacional; desenvolver disciplinas, cursos e seminários relacionados aos temas e projetos desenvolvidos pelo grupo; capacitação de profissionais inseridos nos serviços de saúde através de cursos de qualificação abertos à comunidade e ensino formal de ensino médio e pós graduação.

Equipe:
  • Ana Camila Ribeiro Pereira
  • Camila Drumond Muzi
  • Elisabete Pimenta Araújo Paz
  • Karina Cardoso Meira
  • Pedro Gomes Andrade
  • Raphael Mendonça Guimarães
  • Raquel de Souza Ramos
  • Renata Pascoal Freire
  • Simone Cristina da Costa Ferreira
  • Viviane Gomes Parreira Dutra
Acessar link do CNPq

O Grupo de Pesquisa em Trabalho e Educação Profissional em Saúde é constituído por pesquisadores com formação e experiência em pesquisa em Saúde Pública, Educação, História, Políticas Públicas, Estatística, dentre outras, áreas que se articulam de forma interdisciplinar no campo da Educação Profissional em Saúde. Este campo, por sua vez, organiza a produção de conhecimento sobre a relação entre trabalho, educação e saúde, bem como a formação de novos pesquisadores, por meio do respectivo Programa de Pós-Graduação, na Escola Politécnica da Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/Fiocruz), onde o grupo está sediado. Sua história remonta à instituição do Observatório dos Técnicos em Saúde na EPSJV, integrante da Rede Observatório de Recursos Humanos da Saúde no Brasil (OBSERVARH), criada pelo Ministério da Saúde em parceria com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas). Seu objetivo é o desenvolvimento de estudos e pesquisas sobre o trabalho técnico, a formação do trabalhador e as políticas sociais de educação, saúde e trabalho.  As pesquisas desenvolvidas buscam produzir, analisar e publicar dados e informações, em meio impresso e eletrônico, sobre processos, relações, história e mercado de trabalho dos técnicos em saúde, bem como sobre formação básica e profissional, qualificação profissional, trajetórias, saberes, práticas e competências desses sujeitos. Os resultados das pesquisas têm a finalidade de fornecer subsídios para as políticas públicas de trabalho, de educação e de saúde, e para a organização, o planejamento e a prática curricular e pedagógica da formação inicial, continuada, técnica e tecnológica de trabalhadores, professores, pesquisadores e gestores do Sistema Único de Saúde (SUS). A ênfase teórico-metodológica recai sobre a investigação histórica e etnográfica sobre a conformação de diferentes grupos de trabalhadores técnicos em saúde e sobre a construção das suas trajetórias, identidades de classe, experiências de vida, trabalho, formação e saberes profissionais. Essas análises são tomadas no contexto das políticas públicas especialmente as de trabalho e educação na saúde, considerando a reconfiguração do Estado brasileiro e as transformações em curso no mundo do trabalho.

Equipe:
  • Alexandra Ribeiro Mendes de Almeida
  • Ana Margarida de Mello Barreto Campello
  • André Elias Fidelis Feitosa
  • André Malhão
  • Anna Violeta Ribeiro Durão
  • Carla Cabral Gomes Carneiro
  • Filippina Chinelli
  • Francisco José da Silveira Lobo Neto
  • Ialê Falleiros Braga
  • Júlio César França Lima
  • Lívia dos Santos Fraga
  • Mariana Lima Nogueira
  • Marise Nogueira Ramos
  • Monica Vieira
  • Muza Clara Chaves Velasques
  • Márcia Valéria Guimarães Cardoso Morosini
  • Márcio Candeias Marques
  • Raquel Barbosa Moratori
  • Renata Reis Cornelio Batistella
Acessar link do CNPq